Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.

Dissertação

EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA PÚBLICA NO ESTADO DE SÃO PAULO: UM ESTUDO A PARTIR DA EXPANSÃO DO CENTRO PAULA SOUZA

Curso: Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional

Linha de Pesquisa: Gestão e Avaliação

Autor: Silvia Elena de Lima

Orientador: Profa. Dra. Sueli Soares dos Santos Batista

Data de Apresentação: 24/06/2020

Contato: mestrado@cps.sp.gov.br


BANCA

Profa. Dra. Sueli Soares dos Santos Batista

Profa. Dra. Carmen Sylvia Vidigal Moraes

Profa. Dra. Celi Langhi


RESUMO

LIMA, S. E. Educação Profissional e Tecnológica Pública no Estado de São Paulo: um estudo a partir da expansão do Centro Paula Souza. 235 p.  Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional). Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, São Paulo, 2020.

Nas abordagens sobre a expansão da educação profissional e tecnológica pública e, para o Estado de São Paulo, deve-se incluir as Escolas Técnicas (ETECs) e as Faculdades de Tecnologia (FATECs) vinculadas ao Centro Estadual de Educação Tecnológica “Paula Souza” CEETEPS por se tratar de instituição pública desta modalidade de ensino desde o final da década de 1960. Em geral, as publicações com essa temática lidam com número de matrículas, vagas e perfil sócio econômico dos estudantes, ressaltando o protagonismo e a importância da autarquia na qualificação profissional dos jovens paulistas. Entretanto não se explora como a expansão da educação profissional e tecnológica (EPT) pública do Estado de São Paulo se constituiu, desde meados da década de 1990, em resposta à política educacional em curso, quando a globalização da economia se fez sentir mais concretamente no Brasil. Na formulação do problema de pesquisa se questiona sobre os elementos capazes de esclarecer quanto às políticas públicas que nortearam essa expansão; quanto aos documentos que a justificaram; quanto aos estudos que a prepararam e quais foram os atores que a elaboraram. A presente pesquisa tem como objeto a expansão, a partir dos anos 2000, do CEETEPS, autarquia estadual responsável pela oferta de educação profissional e tecnológica pública no estado de São Paulo. Pretende-se analisar, de uma forma geral, os estudos relacionados às políticas educacionais no Brasil, com ênfase nas que visam a formação para o mundo do trabalho, bem como, as transformações da legislação sobre a educação profissional no Brasil e seus reflexos na trajetória paulista neste contexto. Especificamente pretende-se levantar e problematizar os pressupostos que nortearam a expansão das unidades escolares do Ceeteps de forma bastante significativa em termos numéricos a partir do início dos anos 2000. A metodologia usada é a revisão bibliográfica e pesquisa documental. A revisão bibliográfica diz respeito à análise das políticas educacionais neoliberais frente aos desafios do mundo do trabalho. Essas políticas educacionais são elaboradas mediante estudos e iniciativas de atores sociais que buscou-se identificar na análise de documentos, alguns inéditos ao público externo da instituição, que foram produzidos no início desse processo de expansão. A contribuição que se vislumbra para esse estudo é de que auxilie a levantar e compreender dados, documentos e experiências sobre a expansão da educação profissional e tecnológica, seus elementos fundamentais e, por fim, apresentar documentos inéditos para estes estudos.


PALAVRAS-CHAVE
Educação Profissional, Expansão do CEETEPS, Ensino Técnico e Tecnológico, Políticas Educacionais