Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.

Dissertação

Eu docente: estudo da formação do professor no programa jovem aprendiz de uma instituição de ensino profissional

Curso: Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional

Linha de Pesquisa: Política, Gestão e Avaliação

Autor: Thiago Vieira de Matos

Orientador: Prof. Dr. Rodrigo Avella Ramirez

Data de Apresentação: 30/05/2022

Contato: mestrado@cps.sp.gov.br


BANCA

Prof. Dr. Rodrigo Avella Ramirez - CEETEPS

Profa. Dra. Maria da Graça Nicoletti Mizukami - MACKIENZE

Profa. Dra. Denise Maria Martins - CEETEPS


RESUMO

MATOS, T.V. Eu docente: estudo da formação do professor no programa jovem aprendiz de uma instituição de ensino profissional. Dissertação (mestrado profissional em gestão e desenvolvimento da educação profissional). Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza - São Paulo, 2022.

 

 

O trabalho que aqui se apresenta objetiva compreender como se estruturam os processos de formação docente dos professores que atuam no Programa de Aprendizagem Profissional ofertado pelo SENAC – Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, através de uma de suas unidades, na cidade de São Paulo. O perfil da investigação é derivado de estudos realizados na linha de pesquisa ‘Formação do Formador, alinhado ao projeto ‘Saberes e Trabalho Docente’ da Unidade de Pós-Graduação, Extensão e Pesquisa do CEETEPS, desenvolvido em colaboração no grupo cadastrado no diretório CNPq ‘Saberes e trabalho docente em Educação Profissional’. Considera-se que a atuação do docente, um profissional que reflete sobre sua prática, está no centro da dinâmica de ensino-aprendizagem e, na condução do seu ofício, o professor desenvolve saberes e dá novos significados aos conteúdos que são parametrizados a partir das diretrizes curriculares dos governos e instituições de ensino em que atuam. Para tanto, utiliza-se como lente teórica os estudos na área de currículo apresentados pelos autores Tomás Tadeu da Silva, Michael Young, Michael Apple, José Gimeno Sacristàn; na área de formação docente e prática por Antoni Zabala, Maurice Tardif e Lee Shulman. A metodologia proposta percorre o caminho das narrativas, em que a voz do docente se faz presente na construção e reflexão do conhecimento pedagógico. O método e os procedimentos de pesquisa adotados são questionários estruturados e entrevistas semiestruturadas com os professores atuantes no programa, bem como uma breve análise documental da legislação vigente e documentos institucionais disponibilizados pela instituição de ensino. Pretende-se, como produto do trabalho aqui empenhado, apresentar o que se conhece por comunidades investigativas, zona de pesquisa e desenvolvimento profissional em que o compartilhamento das experiências narradas pelo coletivo docente sejam recursos para o seu desenvolvimento profissional.


PALAVRAS-CHAVE
Formação docente. Narrativas. Comunidades Investigativas