português ingles
Dissertação

INTERNACIONALIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL: O ESTUDO DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL ENTRE O CEETEPS E O ICIF

Curso: Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional

Linha de Pesquisa: Política, Gestão e Avaliação

Autor: Guilherme Antonio Bim Copiano

Orientador: Profa. Dra. Sueli Soares dos Santos Batista

Data de Apresentação: 15/04/2021

Contato: mestrado@cps.sp.gov.br


BANCA

Profa. Dra. Sueli Soares dos Santos Batista - CEETEPS

Profa. Dra. Mariana Aldrigui Carvalho - USP

Prof. Dr. Paulo Roberto Prado Constantino - CEETEPS


RESUMO

COPIANO, G. A. B. Internacionalização na educação profissional: o estudo de cooperação internacional entre o Ceeteps e o Icif. 167f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional). Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, São Paulo, 2021.

 

A internacionalização da educação é um termo amplo e pode abranger processos de parceria internacional, programas de mobilidade acadêmica, políticas públicas educacionais e ações institucionalizadas com o objetivo de assegurar uma elevada qualidade de ensino. Durante a pesquisa, percebeu-se que a aproximação dos conceitos de internacionalização e globalização, embora indissociáveis para formulação de estratégias educacionais, apresentam diferenças e, para tanto, é preciso distingui-los a fim de compreender como se relacionam. Grande parte da bibliografia pesquisada disserta sobre a internacionalização da educação centralizada nas instituições de ensino superior, sendo essas, tradicionalmente, as maiores produtoras de conhecimento. Ao se refletir sobre internacionalização da educação, deve-se encarar o fenômeno não apenas como um novo mercado, mas como um processo de integração e interdependência, requerendo um sistema educacional que permita o acesso e o compartilhamento do conhecimento, o respeito pela diversidade cultural e a cooperação nas mais diversas formas: científica, tecnológica e acadêmica. Assim, diante do cenário globalizado, competitivo, tensionado por métricas e organizações internacionais, a educação profissional de nível médio e técnico está diante do desafio de contribuir para o crescimento econômico, a qualificação de qualidade, a geração de empregos e a produtividade da força de trabalho. O presente trabalho procurou demonstrar de que forma funcionam os processos da parceria internacional entre as instituições Ceeteps e Icif. E ainda, mostrou os benefícios e desafios para o desenvolvimento da internacionalização da educação de nível médio e técnico, para o Eixo Tecnológico de Turismo, Hospitalidade e Lazer. O objeto central de estudo desta pesquisa foi a análise documental do Acordo de Cooperação Internacional entre o Ceeteps e o Icif, com o intuito de compreender a motivação, os objetivos, as metas, a gestão e a execução das ações e dos processos de implantação da parceria. Destaca-se ainda que, o entendimento da dimensão do acordo de cooperação internacional entre as instituições está alicerçado nas reflexões construídas através da coleta de dados por meio das narrativas dos atores. A análise dos resultados das narrativas revelou a importância da parceria como uma estratégia para a imagem da instituição e da modernização da educação profissional e tecnológica de nível médio e técnico, e ainda, para a concepção do Centro de Hospitalidade e dos programas de mobilidade acadêmica. No entanto, a pesquisa apresentou lacunas e fragilidades para a sustentabilidade da parceria: a falta de entendimento institucional da internacionalização da educação, a não efetivação de uma gestão independente do Centro de Hospitalidade para que se tornasse um centro de referência na formação e qualificação profissional, uma melhor estruturação das políticas institucionais de internacionalização da educação, e a insuficiente formalização e divulgação dentro da comunidade do Ceeteps.


PALAVRAS-CHAVE
Educação Profissional e Tecnológica, Internacionalização da Educação, Cursos Técnicos