português ingles
Dissertação

Uso de estratégias de aprendizagem – intervenção no ensino médio integrado

Curso: Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional

Linha de Pesquisa: Formação do Formador

Autor: Eliane Rodrigues Marion Santa Rosa

Orientador: Profa. Dra. Neide de Brito Cunha

Data de Apresentação: 26/04/2022

Contato: mestrado@cps.sp.gov.br


BANCA

Profa. Dra. Neide de Brito Cunha - CEETEPS

Profa. Dra. Jussara Cristina Barboza Tortella – PUC-Campinas 

Profa. Dra. Celi Langhi - CEETEPS


RESUMO

ROSA, E. R. M. S. Uso de estratégias de aprendizagem – intervenção no ensino médio integrado, 114 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional). Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, São Paulo, 2022.

 

Esta pesquisa está vinculada à Linha de Pesquisa Formação do Formador e ao Projeto de Pesquisa Ensino e Aprendizagem do Mestrado em Gestão e Desenvolvimento da Educação Profissional e teve como objetivo geral verificar os efeitos de um programa de intervenção com um material didático fundamentado na Teoria Social Cognitiva, especificamente no construto da autorregulação da aprendizagem, para o incentivo do uso de estratégias de aprendizagem. As estratégias de aprendizagem foram medidas quanto à Autorregulação Cognitiva e Metacognitiva, à Autorregulação dos Recursos Internos e Contextuais e à Autorregulação Social, como dispostas na escala utilizada neste estudo. Trata-se de uma pesquisa quase-experimental que utilizou o método misto de análise dos dados e da qual participaram 59 estudantes dos primeiros anos do ensino médio com habilitação profissional técnico em Desenvolvimento de Sistemas, separados em grupo experimental (GE) e de controle (GC), avaliados quanto à frequência do uso dos itens da Escala de Estratégias de Aprendizagem para Universitários EEA-U, de Santos e Boruchovitch (2015), utilizada como pré-teste e posteriormente como pós-teste. Foi realizado um programa de intervenção com o grupo experimental que participou de quinze sessões, usando o material didático desenvolvido para a disciplina Técnicas de Programação e Algoritmos. Os resultados apontaram que houve diferença para o GE no pós-teste, porém com médias menores para os fatores e total da EEA-U, demonstrando que pode ter havido uma conscientização por parte dos alunos quanto ao uso devido das estratégias durante a intervenção, o que os levou a serem mais críticos em suas respostas e pontuarem menos que no pré-teste. As pesquisadoras apontam que programas de intervenção em estratégias de aprendizagem por infusão curricular se constituem como alternativas de baixo custo e fáceis de serem aplicadas, sendo acessíveis aos professores do Ensino Médio. Como produto desta dissertação foi gerado um material didático fundamentado na Teoria Social Cognitiva.


PALAVRAS-CHAVE
Educação Profissional e Tecnológica, Estratégias de Aprendizagem, Teoria Social Cognitiva, Ensino Médio